Insights

Pesquisar
Close this search box.

Brasil Inicia Importação de Arroz; Veja Preços e Estados Que São Credenciados

Saiba quais estados brasileiros recebem as novas importações de arroz e confira os preços atualizados neste detalhamento completo.
Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade
Importação de Arroz

Devido à tragédia que afetou o Rio Grande do Sul, responsável por 70% da produção de arroz do país, o Brasil receberá a importação de arroz a partir da próxima terça-feira (21) para evitar o desabastecimento nos supermercados.

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) coordena a operação.

Descubra o benefício fiscal aplicável em todos os portos e aeroportos do Brasil, conheça detalhadamente a Sistemática de Alagoas e alcance uma redução de até 90% no seu ICMS com o Benefício de Alagoas.

Na primeira fase, serão adquiridas cerca de 104 mil toneladas de arroz, destinadas à venda para pequenos varejistas e equipamentos públicos de segurança alimentar e nutricional nas regiões metropolitanas de sete estados: São Paulo, Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Pernambuco, Pará e Ceará.

O governo federal alocou R$ 416 milhões para a aquisição do arroz e R$ 100 milhões para despesas de equalização de preços para a venda do produto. 

A compra será realizada por meio de leilões públicos, por meio da interligação de bolsas de mercadorias, conforme edital que será publicado pela Conab.

“O Governo Federal não tem a intenção de competir com os produtores de arroz que enfrentam dificuldades. 

Nosso objetivo é evitar especulação financeira e estabilizar o preço do produto nos mercados de todo o país”, afirma o ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro.

Descubra as vantagens do benefício fiscal que pode ser aplicado em todos os portos e aeroportos brasileiros.

O arroz será descarregado nos portos de Santos (SP), Salvador (BA), Recife (PE) e Itaqui (MA). 

O cereal será embalado em embalagens padronizadas de 2 quilos, com a marca do Governo Federal.

Preço O governo federal estima que o preço do quilo do arroz não ultrapassará R$ 4,00 para o consumidor final. “Este é o valor que o consumidor pagará pelo arroz importado pelo governo brasileiro para abastecer o mercado nacional, contribuindo para a redução do custo de vida, já que o arroz é essencial na alimentação do povo brasileiro”, destacou Paulo Teixeira, ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar.

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Entre em contato conosco

Descubra como possuimos uma solução completa para a Gestão Tributária da sua empresa!

Sobre Cícero Costa
Cícero Costa é advogado tributarista, professor de direito tributário, especialista em direito tributário pelo Instituto Brasileiro de Estudos Tributários, com MBA em negociação e tributação internacional e palestrante. Sua atuação prática em mais de 15 anos de experiência fizeram de Cícero um dos maiores especialistas em precatórios e importação em Alagoas.