fbpx

Saca do milho já beira os R$100 e Brasil vai precisar importar 5 milhões de toneladas até maio

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Enquanto há cidades do Estado em que 100% da safra do milho foi perdida pela seca, a esperança está na chuva para manter uma produtividade regular na soja.  No entanto, sempre que se fala em quebra de safra há a relação do aumento de preço das sementes.  Há relatos de que o milho já tem preço sendo negociado próximo de R$100 a saca e a soja, quem tem disponível, possui contratos sendo firmados com valores  próximos dos R$200 no Estado.  A saca de 60 kg do milho já vem sendo negociada acima de R$ 100 na região de Campos Novos (SC).

O analista de mercado da HS Sementes, Mário Klein, confirmou esta alta e fez uma análise do que está por vir quando se fala especialmente em milho.  Klein destacou que os alimentos, no geral, terão uma valorização devido a isso pelo custo de produção. Lembrou que a economia vai sentir também a falta de um dinheiro gerado pelo agro em sua circulação. As quebras com a seca , para Klein, trarão uma perda de R$ 100 bilhões de Reais no Brasil, sendo R$32 bilhões somente no Rio Grande do Sul.

Ainda conforme Klein, o mercado interno brasileiro, sem o milho previsto, precisará importar cerca de 5 milhões de toneladas até maio.  Importar significa pagar mais caro do que o milho que deixou de ser produzido no Brasil.  Porém, Klein chama a atenção para outro problema envolvendo a importação.  A Argentina, que seria a melhor alternativa para isso, também enfrenta problemas climáticos e impacto na produção de milho.  Com isso, haverá um obstáculo que poderá encarecer ainda mais as importações, alimentando assim a cadeia de alta no preço que se estende até os alimentos.

Originalmente publicado em: Saca do milho já beira os R$100 e Brasil vai precisar importar 5 milhões de toneladas até maio (rduirapuru.com.br)

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn

LEIA TAMBÉM:

Importação de Fertilizantes sobe 81%
Importação de Fertilizantes Sobe 81% em Abril

Associação alega que foram compras de importação de fertilizantes feitas antes do conflito na Ucrânia. O Brasil importou em abril 3,24 milhões de toneladas de fertilizantes, o que representa um aumento de 81,5% sobre o volume registrado no mesmo mês de 2021.

Leia mais »
Fale com um de nossos consultores

Descubra como possuimos uma solução completa para a Gestão Tributária da sua empresa!

Sobre Cícero Costa
Cícero Costa é advogado tributarista, professor de direito tributário, especialista em direito tributário pelo Instituto Brasileiro de Estudos Tributários, com MBA em negociação e tributação internacional e palestrante. Sua atuação prática em mais de 15 anos de experiência fizeram de Cícero um dos maiores especialistas em precatórios e importação em Alagoas.
Descubra como reduzir seus custos na importação de forma 100% segura
Acesse agora nosso e-book e obtenha uma vantagem competitiva em meio aos seus concorrentes.
E-book grátis